Follow my back
2019


Chapa de aço polido repuxada e tubos de aço calandrados, impressão a jato de tinta em papel A4 dobrado ao meio e agrafado
Dimensões variáveis (máximo 1m)

Sinopse:
A artista constrói o objeto performativo. Posteriormente, encaixa-se nele, baloiçando, e realizando outras ações.
É disponibilizado ao espetador um livro de instruções para que possa utilizar o objeto performativo.


Hammered technique on polished steel plate and twisted steel tubes, inkjet print on A4 papel folded in half and stapled.
Variable dimensions (1m max)

Synopsis:
The artist builds the performative object. Posteriorly, she fits herself in it, swinging and performing other actions.
The spectator is given an instructions manual to use the performative object.





























selected pages from the book INSTRUCTION MANUAL - Follow my Back
28 pages, 1/1
2019





Em Follow my back, partindo do título que contempla em si uma ordem, que poderá (ou não) ser seguida, a artista fotografa-se a si mesma, interagindo com a peça que construiu, batendo com um martelo, repetidamente, durante meses, até a chapa de metal se moldar e encaixar nos seus ombros, pescoço e costas.
Em todo o sueste da Ásia, o baloiço é associado aos rituais de fertilidade e de fecundidade, devido ao seu movimento de alternância, que a terminologia chinesa identificaria como yin e yang. Nalgumas regiões da Índia, o uso do baloiço era interdito fora do campo ritual; era reservado às comunicações entre a terra e o céu, e mais particularmente à manifestação da palavra divina.
O círculo, associado a múltiplas simbologias, é o signo da Unidade, do tempo e dos movimentos cíclicos. Símbolo da perfeição, homogeneidade, ausência de distinção ou de divisão. Enquanto forma envolvente, como um circuito fechado, o círculo é um símbolo de proteção, duma proteção assegurada nos seus limites.
De equilíbrio sensível, com os pés assentes no chão, o olhar orientado para o céu e o corpo apoiado em dois círculos, o objeto performativo é apresentado com um manual de instruções de como utilizar a peça. A peça e o manual de instruções são disponibilizados ao espetador, podendo este utilizá-los, seguindo-os, ou não, no entanto sempre restringido pelas medidas corporais da artista.


Os projetos Untitled e Follow my back foram instalados no mesmo espaço. Um espaço pequeno, íntimo, no entanto claustrofóbico, cujas paredes continham em si um padrão de varões de ferro, alinhados, esquematizados, e direcionados para o espetador.